Pedra de 1.400 anos com inscrição mariana é encontrada em Israel

Pedra de 1.400 anos com inscrição mariana é encontrada em Israel, perto da fronteira com o Egito. A frase completa, em grego antigo, diz “Abençoada Maria, que viveu uma vida imaculada“.

Segundo matéria de 9 de janeiro da mídia israelense, a pedra foi achada recentemente no Parque Nacional Nitzana, que fica em pleno deserto de Neguev. Ela tem 25 centímetros de diâmetro e fazia parte da lápide de uma mulher que viveu naquela região cerca de 1.400 anos atrás.

Quem a encontrou foi um funcionário da manutenção do Parque Nacional. De acordo com informações da Autoridade de Antiguidades de Israel, que estudará o achado, o parque Nitzana é um local de grande relevância para as pesquisas sobre a transição do período bizantino para o período islâmico. Há registros, porém, muito mais antigos sobre a atividade humana nessa área. Ainda no século III a.C., o local já era uma estação de passagem dentro de uma rota comercial importante do povo nabateu. Nos séculos V e VI d.C., Nitzana possuía uma fortaleza militar, igrejas, um mosteiro e essa estação de passagem de peregrinos cristãos que se dirigiam ao Monte Sinai.

Pedra de 1.400 anos com inscrição mariana

A pedra funerária recém-encontrada é mais uma das muitas demonstrações históricas da veneração cristã a Nossa Senhora, enfatizando especialmente o seu aspecto imaculado, ou seja, sem a mancha do pecado.

Além disso, como objeto arqueológico, ela pode ajudar os pesquisadores a identificarem melhor os limites dos cemitérios cristãos da região, o que contribui para a delimitação do próprio assentamento, que ainda é desconhecida.

Fonte: Aleteia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *