Biden diz que EUA podem usar tecnologia para ‘restaurar’ internet em Cuba

Presidente afirmou que o país caribenho é um ‘Estado fracassado’ e que os americanos poderiam ajudar o povo cubano

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse nesta quinta-feira, 15, que Cuba é um “Estado fracassado” e que não considera enviar apoio à ilha no momento, visto que as remessas poderiam ser confiscadas. Segundo ele, o país “está reprimindo os cidadãos” e os americanos poderiam ajudar o povo cubano, mas isso demandaria uma garantia de que o governo não tiraria vantagem da situação. O democrata falou ainda que está pronto para enviar “uma quantidade significativa” de vacinas contra Covid-19 à ilha, que vive um aumento das infecções pelo coronavírus, mas apenas se uma organização internacional as distribuísse. Joe Biden ainda afirmou que os Estados Unidos estão analisando se podem usar tecnologia para restaurar o acesso à internet em Cuba, onde autoridades restringiram a conexão após protestos históricos contra o governo.

As declarações foram dadas durante entrevista coletiva na Casa Branca ao lado da chanceler alemã, Angela Merkel, com quem se reuniu. Merkel e Biden discutiram a quebra de patentes de vacinas, posição defendida pelos Estados Unidos. A chanceler argumentou que suspender as patentes não seria eficaz e poderia prejudicar futuras pesquisas e esforços de desenvolvimento. Os dois chefes de Estado também prometeram trabalhar juntos para se defender contra a agressão russa e enfrentar ações antidemocráticas da China. Joe Biden e Angela Merkel ainda prometeram fortalecer os laços entre os dois países daqui para frente.

Fonte: JP News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *