Primeira morte por gripe é confirmada em MS

De acordo com o relatório da Secretaria de Estado de Saúde, estão sendo investigados 206 notificações da doença.

Um trabalhador rural, de 45 anos, morreu em janeiro no hospital de Corumbá, a 428 km de Campo Grande, por gripe influenza H3N2. A causa da morte foi divulgada nesta quinta-feira (11) no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde. Ainda de acordo com o relatório, estão sendo investigados 206 notificações da doença em Mato Grosso do Sul.

Vacinação contra a gripe começou
A campanha nacional de vacinação contra a gripe começa na quarta-feira (10) e vai até o dia 31 de maio. Em Mato Grosso do Sul, o público-alvo é formado por 795 mil pessoas e a meta é atingir 90% de efetividade.

Nesta primeira fase, serão priorizadas crianças com idade entre 1 e 6 anos, grávidas em qualquer período gestacional e puérperas (até 45 dias após o parto).

A partir de 22 de abril, todo o público-alvo da campanha poderá receber a dose: Trabalhadores da saúde, povos indígenas, idosos, professores de escolas públicas e privadas, pessoas com comorbidades e outras condições clínicas especiais, jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas e funcionários do sistema prisional e pessoas privadas de liberdade.

Em 2018, Mato Grosso do Sul atingiu 92,68% de cobertura vacinal, com 573.562 pessoas vacinadas. No Brasil foram vacinados 90,87% do público-alvo.

(Fonte: Página Brazil)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *